O Mar Começa Aqui | Trabalhos 2021

Escola EB1/PE do Monte (Antiga EB1/PE Livramento - Monte) (Funchal)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
O Mar começa aqui…
Memória descritiva da imagem:
O presente trabalho foi elaborado a propósito do concurso/desafio: O Mar começa aqui… Na impossibilidade de realizar este concurso com a presença dos alunos na escola, a equipa coordenadora do Programa Eco-escolas e a professora de expressão plástica juntaram esforços e lançaram o desafio semanal de 04 a 08 de maio lá para casa, para os alunos da EB1/PE do Monte. Esse desafio intitulava-se: “O mar começa aqui”.., foi identificado como sendo do Programa Eco-escolas e foi enviado às famílias um documento onde poderiam ver o enquadramento do projeto, os objetivos, os destinatários, alguns exemplos de pinturas de sarjetas… etc. Todas as orientações necessárias á participação no projeto.
Dessa abordagem e explicação do concurso lá para casa, surgiram cerca de 27 trabalhos interessantíssimos!
Transcrevemos em baixo o texto de email enviado pelo encarregado de educação da aluna que venceu o concurso/desafio na nossa escola. Achamos assim por bem valorizar a descrição do trabalho realizado pela aluna do 3º ano (ano letivo 2019/20), atualmente a frequentar o 4º ano de escolaridade, em família/ casa… por considerarmos ser a melhor descrição da realização do trabalho e da ideia a transmitir… descrição da autora.
“Olá!
Em anexo envio fotografias do trabalho da (nome da aluna retirado) com ajuda dos seus familiares para o concurso "O mar começa aqui..."
Tentei que a parte prática fosse realizada maioritariamente por ela.
Surgiu a ideia de usar a boia salva vidas porque é um símbolo associado à praia, à salvação de vidas no mar/oceano, sendo assim uma analogia para a salvação do mar/das vidas marinhas. Fácil para pintar no chão, que pode ser facilmente associado a um sinal de trânsito,...
O trabalho foi realizado com aguarelas e pastel de óleo por isso a folha fica um pouco ondulada...
Também surgiu a ideia de desenhar uma baleia ou um tubarão com a sarjeta na boca. Não sei se esta ideia se vai concretizar ou se a (nome da aluna retirado) vai preferir brincar.
Envio algumas fotografias do processo porque lembrei-me que alguns projetos do Eco-escolas assim o exigem, se não for o caso, por favor ignore.
Cumprimentos
(Nome da mãe e da aluna retirados)”

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
O Mar começa aqui…
Memória descritiva do projeto: *
até uma página A4 com: a identificação da escola e do(a) professor(a) coordenador(a) da atividade; o número, a idade e ano de escolaridade dos alunos; síntese das varias fases do projeto
EB1/PE do Monte - Funchal
Coordenadores Eco-escolas: António Pimenta, Manuela Silva, Dorita Silva, Filipe Escaleira e Teresa Faria. Convidámos a Professora de expressão plástica Marianela Vieira para integrar o projeto e apoiar o desafio.
Participantes: Todas as turmas/ grupos da escola – 7 turmas do primeiro ciclo do 1º ao 4º anos e três turmas do pré-escolar – total 145 alunos com idades compreendidas entre os 3 e 11 anos.
Fases do projeto:
1ª fase - Semana de 27 a 30 de abril – lançamento e introdução do tema do Mar e da poluição marinha/ apresentação do projeto – sugestão de leitura em casa do livro: O Dia em que o Mar desapareceu de José Fanha (tema da poluição marinha)
2ª fase – Semana de 04 a 08 de maio – Lançamento do desafio/concurso às famílias em que se elaborou o documento de apoio que se segue. Prazo: uma semana para a realização dos trabalhos e envio dos mesmos através de e-mail ou pela plataforma Moodle da escola.
3ª fase – Reunião em vídeo conferencia com todos os coordenadores Eco-escolas e a profª de expressão plástica para análise dos trabalhos recepcionados e seleção do vencedor da escola – trabalho a submeter na plataforma.
4ª fase – Publicitação do trabalho vencedor de escola e agradecimentos aos alunos e famílias no facebook da escola.
Documento de apoio às famílias:
Concurso/ Desafio no âmbito da Educação Ambiental promovido pelo Programa Eco-escolas e a Câmara Municipal do Funchal
Regulamento:
Pode consultar o regulamento na íntegra na página web: https://ecoescolas.abae.pt/o-mar-comeca-aqui/
Enquadramento:
Após a ocorrência de fenómenos de precipitação, o percurso das águas pluviais, é inicialmente feito à superfície nas áreas impermeáveis, como por exemplo, telhados, pátios e valetas de arruamentos, mas é rapidamente conduzida para os coletores instalados subterraneamente, através das sarjetas e sumidouros, onde flui até ser devolvida aos cursos naturais de água, lagos, lagoas, baías ou no mar.
As sarjetas de passeio e sumidouros são importantes dispositivos de entrada de fluxos de água, dado que garantem o acesso das águas pluviais às redes de drenagem, contudo, são frequentemente objeto de deposição de resíduos, quer decorrentes do arrastamento das águas da chuva, quer decorrentes da atividade humana, como óleos alimentares, garrafas, beatas, entre outros.
Compete às autarquias não só assegurar a provisão do serviço de gestão de resíduos urbanos no seu território, garantindo a limpeza das vias e espaços públicos, sarjetas e sumidouros à superfície, mas também alertar e sensibilizar a população em geral e para a comunidade escolar em particular, para as consequências, quer nos ecossistemas terrestres, quer nos ecossistemas marinhos, da incorreta deposição dos resíduos.
É neste contexto que a ABAE lança o desafio “O mar começa aqui” a todas as autarquias do país e às escolas.
Um desafio Eco-Escolas | Autarquias | ABAE:
A concretização do projeto implica a conjugação de sinergias entre o Município e Freguesias, as Escolas do concelho nomeadamente as Eco-Escolas e a ABAE. Para que este projeto tenha o efeito de uma campanha impactante na comunidade local e nacional é fundamental o papel de cada um dos envolvidos que se comprometem a pôr em prática as ações inerentes, nomeadamente:
ESCOLAS: (2019/2020)
• Aderem ao projeto na plataforma Eco-Escolas, caso o seu município o tenha feito previamente.
• Desenvolvem internamente o processo para seleção de uma imagem que represente a escola.
• Submetem a imagem na plataforma Eco-Escolas até 15 de maio.
• Divulgam o projeto pelos meios ao seu alcance.
IMPORTANTE:
A participação facultativa dos alunos e famílias neste desafio, no presente ano letivo, passa assim por apresentar uma proposta de desenho/ pintura de sarjeta na última Folha deste documento ou na Folha disponibilizada na plataforma Moodle. Para isso, deverão imprimir a folha em anexo e realizar o desenho na mesma. Posteriormente deverão submeter o trabalho até ao próximo dia 08 de maio na Plataforma Moodle ou através dos seguintes e-mails: …
Quem não conseguir imprimir a folha de desenho em anexo pode realizar a atividade numa folha A4 branca, contudo o desenho terá de incluir a sarjeta no meio e a frase: “O Mar começa aqui…” de forma bem visível. A submissão dos trabalhos deverá ser da forma indicada em cima.
Posteriormente, os professores Coordenadores do Programa Eco-escolas, bem como a professora de Expressão Plástica farão uma seleção dos trabalhos e colocarão na plataforma da ABAE o desenho que representará a EB1/PE do Monte no concurso Nacional.
Nota: Na plataforma da ABAE apenas podemos colocar o desenho/proposta vencedora da nossa Escola, respeitando o regulamento do desafio. No entanto, como na nossa Escola (nos dois edifícios) existem várias sarjetas e/ ou sumidouros, contamos assim com a possibilidade de selecionar outros desenhos que enviem para pintar mais do que uma sarjeta/ sumidouro.
No próximo ano letivo: (2020/2021)
Realizam as pinturas, em articulação com a autarquia e a participação dos alunos;
Enviam para a ABAE uma das pinturas que realizaram nas sarjetas/sumidouros;
Objetivos:
Trata-se de uma campanha de sensibilização que visa como objetivos principais:
• Compreender a necessidade de preservação dos ecossistemas e da biodiversidade em geral e da qualidade da água doce e salgada em particular;
• Educar para uma cidadania ativa incitando os jovens a passar a mensagem de que “Tudo o que cai no chão vai parar ao mar” a toda a comunidade educativa;
• Estimular a criatividade dos alunos, através do desenvolvimento de competências em áreas como a expressão plástica;
• Implementar estratégias de cooperação escolas-autarquias para a promoção da sustentabilidade.
Destinatários:
 Todos os municípios e escolas que integram a rede Eco-Escolas;
 Alunos, famílias das escolas participantes.
Colocámos ainda algumas fotos de exemplos de Pinturas de Sarjetas e Sumidouros para ajudar os participantes na concretização do desafio.

Fase II - Escola: execução

Fase II - Município: evidências