O Mar Começa Aqui | Trabalhos 2021

Escola EB1/PE Dr. Clemente Tavares - Gaula (Santa Cruz)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
O protótipo da imagem foi concebido para ser pintado junto a uma sarjeta dentro do recinto escolar, no qual foi incluído, de forma criativa, o mote do desafio “O mar começa aqui” e os logótipos do Programa Nacional Eco - Escolas e do desafio.
A imagem central inclui a representação de um lobo - marinho, figura emblemática da conservação da natureza em Portugal. Esta espécie marinha é a mais rara do mundo, a única existente em Portugal que esteve quase a extinguir-se, devido à perseguição humana, de que foi alvo.
Atualmente, o lobo - marinho e o seu habitat natural são protegidos por legislação regional, europeia e internacional.

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
Este projeto foi realizado pelos alunos do 3º e 4º anos da EB1/PE Dr. Clemente Tavares - Gaula, concelho de Santa Cruz, Região Autónoma da Madeira.
O projeto foi coordenado, na escola, pela professora Ana Freitas - Coordenadora do Programa Eco – Escolas.
O projeto foi implementado e desenvolvido nas Atividades de Enriquecimento Curricular de Estudo e Artes Visuais, no qual participaram 19 alunos, com idades compreendidas entre os 8 e os 11 anos.
O projeto teve início, na nossa escola, após a receção de um email, da Dr.ª. Filipa Gomes – Responsável pelo Gabinete de Educação da Câmara Municipal de Santa Cruz, a convidar a escola a participar no desafio "O Mar Começa Aqui", lançado pelo Programa Nacional Eco – Escolas, a todos os municípios do país.
Assim, nas aulas de Estudo a coordenadora lançou o desafio aos alunos, seguindo-se uma pesquisa, na Internet, para recolha de informações e ideias para o projeto.
Nas aulas de Artes Visuais os alunos deram início à representação gráfica do projeto. Após a conclusão dos projetos/ideias, os trabalhos foram expostos, no painel Eco – Escolas, para apreciação e votação.
Após a conclusão do processo de votação, saiu vencedor o projeto apresentado pela aluna Gabriela, do 4º ano.
A partir do mote “Tudo o que cai ao chão, vai para o mar” procurou-se educar os alunos para uma cidadania ativa, aprofundar conhecimentos sobre o ciclo da água, sobre a contaminação das linhas de água e sobre a rede hidrográfica. Procurou-se igualmente sensibilizar toda a comunidade educativa para a problemática da poluição marinha e, sobre o seu impacto nos habitats e, consequentemente, nos ecossistemas marinhos.

Fase II - Escola: execução