O Mar Começa Aqui | Trabalhos 2021

Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (Setúbal)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
Abraçámos este projeto com enorme entusiasmo, pois o percurso das águas pluviais até entrar nos cursos naturais de água é muito importante, sendo através das sarjetas e sumidouros que estas chegam ao seu destino.
Sendo este projeto de grande importância, os professores decidiram desafiar os seus alunos, que neste momento se encontram em ensino não presencial, a participar, uma vez que é fundamental sensibilizá-los para temas como o tempo de degradação dos resíduos, a contaminação das linhas de água, a rede hidrográfica, a poluição marinha, e o impacto da poluição das águas doces e salgadas nos vários ecossistemas. Assim, houve um debate, entre alunos e professores, por videoconferência, sobre os temas anteriormente referidos e após este solicitou-se que elaborassem uma imagem para ser pintada junto a uma sarjeta ou sumidouro de águas pluviais, dentro ou fora da instituição escolar.
Na fase seguinte, os alunos apresentaram as suas imagens e procedeu-se, então, à seleção de uma, sendo esta a que irá ser apresentada pela nossa escola e posteriormente, desenhada e pintada na sarjeta.
A comunidade escolar considera este projeto muito gratificante, pois os alunos participaram, até ao momento, com muito interesse, empenho e motivação.
Aguardam entusiasticamente, a fase seguinte, onde irão desenhar e pintar a sarjeta.

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
Escola de Educação Especial - Centro Sócio-Educativo da APACDM de Setúbal
Coordenador da Atividade: Elisabete STP Moreira
Como todas as escolas, o Centro Sócio-Educativo da APACDM de Setúbal, está (ou esteve) em regime de ensino não presencial. Deste modo, o desafio “O mar começa aqui”, foi colocado aos alunos através da página do Facebook da nossa escola.
Participaram vários alunos, da escola, com idades compreendidas, entre os 12 e os 17 anos, com deficiência intelectual (não funcionamos com níveis de escolaridade, mas com o cumprimento de Programas Educativos Individuais).
Assim sendo, nesta primeira fase, os alunos tomaram conhecimento do desafio através da página no Facebook da nossa escola e dos contactos realizados pelos professores. Foi-lhes dado um prazo para concretização e entrega dos desenhos.
De seguida, foram recolhidos vinte desenhos. Destes, os professores selecionaram, os que obedeciam ao regulamento do desafio, e apresentaram-nos aos alunos por videoconferência. De seguida, os alunos fizeram uma votação e elegeram o desenho submetido.
Voltaremos cá para contar sobre as próximas fazes do projeto.

Fase II - Escola: execução