O Mar Começa Aqui | Trabalhos

Escola Básica D. João II, Caldas da Rainha (Caldas da Rainha)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
De acordo com o tema do nosso projeto de flexibilização curricular, “Amar o Mar”, no início do 2.º período, pusemos mãos à obra para concretizar o nosso plano de pintura das sarjetas.
Os alunos fizeram pesquisas sobre poluição marinha, o impacto da poluição das águas nos diversos ecossistemas, o ciclo da água, o tempo de degradação dos diferentes resíduos, assim como a inventariação do número e localização das sarjetas existentes na escola.
Posteriormente, os vários grupos de alunos propuseram vários desenhos/pinturas bem como de mensagens que fossem curtas e ilustrativas da importância de não depositar resíduos sólidos nas sarjetas. A mensagem que os alunos escolheram de entre as várias sugestões para inserir na pintura das sarjetas foi: “Hoje aqui, amanhã no Mar”, escrita nos diversos idiomas falados na nossa escola.
Assim, em resposta ao desafio da Eco-Escolas, resolvemos manter a frase sugerida pelos alunos, “Hoje aqui, amanhã no Mar”, escrita em várias línguas, seguida do logótipo “O MAR COMEÇA AQUI”.
A imagem maioritariamente eleita pelos alunos, foi a famosa sardinha de Bordallo Pinheiro; sardinha por ser um peixe comum na nossa costa, pescado ao largo de Peniche, e de Bordallo Pinheiro, pela figura icónica do artista caldense, conhecido mundialmente, que nos representaria enquanto localidade.
Dada a grande profusão de modelos de sardinha, criados pela Fábrica de Faianças das Caldas da Rainha, após seleção e eleição, a turma não conseguiu optar por um só modelo, tendo eleito em exequo, os quatro modelos em anexo.
Modelo 1/Sardinha com figura de baleia: as baleias frequentam a na nossa costa e estão criticamente ameaçadas, sobretudo pelo lixo marinho. Existe na escola, construída por alunos e afixada/suspensa numa das paredes exteriores, uma baleia construída em arame, contendo lixo apanhado na praia no seu interior. De salientar, em termos de continuidade do tema, a forma exterior, igual à das sardinhas bordalenses.
Modelo 2/Sardinha com areia e corações: representa o nosso tema: Amar o Mar; amamos o nosso grande areal, com praias aprazíveis, onde todos fruímos do mar, do seu cheiro, frescura e som, para grande regozijo dos nossos corações. E somos muitos, muitos corações.
Modelo 3/ Sardinha com arco-íris: representa a esperança, a promessa do Sol; as cores vivas transmitem alegria e beleza, tão necessárias à nossa felicidade. Constituem pinturas com grande impacto visual, que certamente debelarão qualquer tentativa de ali depositar lixo.
Modelo 4/ Sardinha com elementos marinhos: pintura lindíssima que nos transporta para o mar. Apesar da sua aparente dificuldade em ser reproduzida sobre uma grelha metálica, é passível de ser executada com alguma perícia pelos alunos mais artisticamente talentosos da turma, e, que certamente resultará também numa forma eficazmente dissuasora de depositar lixo.

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
O projeto DAC da turma A do 8º ano, no presente ano letivo, tem como tema: “Amar o Mar”.
As razões para a escolha deste tema, prenderam-se com o facto dos recursos hídricos e o impacte da sua exploração, serem um dos temas curriculares estudados na disciplina de Ciências Naturais e passíveis de serem trabalhados noutras, conforme a filosofia dos projectos curriculares de turma, tendo várias disciplinas integrado o painel: Geografia, Físico-química, Educação Visual, Matemática e História.
Outros motivos foram também determinantes para a escolha: a nossa escola situar-se na zona costeira, perto da Lagoa de Óbidos (sistema lagunar com uma enorme importância ecológica) e da praia da Foz do Arelho, bem como pela urgência e pertinência da alteração de comportamentos da comunidade escolar, conducentes à preservação do meio ambiente.
Foram vários os objetivos que nos propusemos alcançar ao longo do ano:
* Compreender que a vida é assegurada por funções vitais que dependem das interações que estabelecemos com o meio que nos rodeia.
* Compreender que a ação do ser humano tem repercussões no ambiente e nos seres vivos, sendo necessário alterar comportamentos para nosso bem e do nosso planeta.
* Tomar consciência da importância da água enquanto condição fundamental para a vida.
* Promover soluções para uma gestão sustentável da água.
* Fomentar o sentido de responsabilidade na utilização da água.
Como produtos, e por etapas, ao longo do 1º e 2º períodos, concretizamos as seguintes atividades:
- Realização da atividade bioblitz, na Reserva Natural Local do Paul de Tornada, em novembro;
- Saída à lagoa e mar no âmbito Coastwatch, em Janeiro, com recolha e monitorização dos resíduos recolhidos;
Durante os 2.º e 3.º períodos, tínhamos previsto realizar:
- Pintura das grades das sarjetas da escola com mensagem escrita em diferentes línguas;
- Construção de cinzeiros portáveis com materiais reciclados, a distribuir pelos docentes e encarregados de educação fumadores.
Em virtude da situação pandémica, e consequente fecho da escola, estes últimos não foram possíveis de concretizar este ano letivo, ficando adiados para o próximo.
Pelo exposto, dada a sintonia com o projeto da turma, foi com grande entusiasmo, que encarámos este desafio da ABAE, tendo os alunos prontamente aderido ao projeto “O Mar começa aqui”.

Fase II - Escola: execução

Fase II - Município: evidências