O Mar Começa Aqui | Trabalhos

Jardim de Infância de Talhô - Gondalaes (Paredes)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
Imagem: Peixe
O peixe foi o elemento selecionada para este projeto, como resultado da pesquisa feita, pois descobrimos que são atrativos e que se apresentam de formas e cores tão variadas.
Os Peixes são os seres vivos mais comuns que habitam nos mares e oceanos. São o primeiro ser vivo que crianças, em idade pré-escolar, identifica como habitante no meio aquático.
Para além deste facto, são seres vivos com os quais as crianças têm uma relação empática, já que são animais de estimação que existem, quer na nossa sala de atividades, quer em várias casas de crianças.
Para além da questão estética, também foi estabelecida a ligação da importância do peixe e, consequentemente do mar, pela sua presença na alimentação.
De tudo resultou a necessidade de preservação do Mar!

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
Jardim de Infância de Talhô – Gondalães
Coordenadora Eco-Escolas: Educadora de Infância Ana Maria Santos
Atividade: O Mar começa aqui…
Trabalho desenvolvido com crianças de idades entre os 3 e os 6 anos.
Este projeto foi desenvolvido em diferentes fases e orientado de forma interdisciplinar, envolvendo a área do conhecimento do mundo, (através do item: conhecimento do mundo natural), e da área das expressões.
1ª fase: Abordagem e exposição do tema “poluição do mar”, que é do apreço do grupo, com a visualização de fotos, pesquisadas na internet.
2º fase: Exploração da ligação entre o Mar e as sargetas, com recurso ao ciclo da água, existente no J.I., descobrindo a ligação entre estes dois elementos.
3ª fase: Definir como alertar a população para a importância das sargetas e da sua manutenção, através da identificação e decoração de uma, na entrada do J.I.;
Objetivos: o que queremos aprender:
Sendo o principal objetivo a sensibilização da comunidade escolar e familiar, da importância das sargetas e da sua relação com a poluição do mar:
Pretende-se que o grupo:
• Interiorize informação e que consciencialize que, para que as águas que chegam ao mar estejam o mais limpas possíveis, as sargetas também devem estar limpas e desobstruídas de resíduos.
• Interiorize que todo o lixo colocada na rua e nas sargetas, poderá ter como último destino, o Mar;
• Sensibilizar a comunidade educativa que “Tudo o que cai no chão, vai parar ao mar”.
Planificação: Como vamos fazer:
-Após a proposta de pesquisa, selecionar o elemento que usaríamos para a nossa sensibilização;
- Concretização do elemento selecionado para a sensibilização, pelos meninos, em registo gráfico;
- Após a concretização individual, através de um registo gráfico, do elemento selecionado, eleger um, através do sistema de votação, para ser pintado na nossa sargeta;
- Divulgar o projeto e a sua explicação;

Fase II - Escola: execução

Fase II - Município: evidências