O Mar Começa Aqui | Trabalhos

Centro de Formação Profissional da Madeira (Funchal)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
Material utilizado: cartolina branca (80cm – comprimento por 60cm de altura – medidas reais); cores de feltro; lápis de cor; tinta acrílica azul; cola UHU baton para colagem dos logótipos
Tendo em conta que a sarjeta será pintada de azul, esta ocupa o centro da área da cartolina, sendo o restante desenho (mar com peixes/ espécies marinhas autóctone e conchas – Ilhas da Madeira e do Porto Santo) pintado à volta.

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
O projeto “O Mar Começa Aqui!” teve em linha de conta não só os seus objetivos específicos e respetivo regulamento, os objetivos gerais do Programa Eco-Escolas 2019/2020, mas também as características da comunidade escolar. Visto tratar-se de um Centro de Formação Profissional, a dinâmica do ensino-aprendizagem, conjugada com o tempo dedicado à Formação Prática em Contexto de Trabalho (FPCT) – tempo passado nas empresas de estágio – houve necessidade de adequar estratégias para a implementação exequível do mesmo e de forma a envolver o maior número possível de formandos, formadores e colaboradores.
Deste modo, o presente protótipo para pintura da sarjeta é representativo do trabalho colaborativo do Centro de Formação Profissional da Madeira (CFPM), localizado no concelho do Funchal, tendo sido coordenado pelos professores/coordenadores do Programa Eco-Escolas 2019-2020: Carla Rosado e Letício Figueira. A idade dos formandos envolvidos situa-se entre os 15 e os 18 anos e frequentam o 1º e 2º anos dos cursos de formação a decorrer no presente ano letivo. No universo de 156 formandos do CFPM, com idades compreendidas entre os 15 e os 24 anos, optou-se por sortear apenas dois cursos para a realização do “desenho-projeto”, não sem antes haver um trabalho de explicação/informação de sensibilização subjacente ao projeto “O Mar Começa Aqui!”, facultada a todos os cursos pelos coordenadores, os quais contaram com o apoio da equipa formativa. Todos os formandos foram informados dos objetivos, das diferentes fases do projeto, assim como das atividades pensadas e associadas que decorreriam até o mês de maio e que, independentemente do resultado do sorteio, fariam com que fossem convocados/convidados a participar.
Concorreram 6 trabalhos, todos eles elaborados de acordo com os temas: o tempo de degradação dos resíduos, a contaminação das linhas de água, a poluição marinha, o impacto da poluição das águas doces e salgadas nos diversos ecossistemas. O protótipo agora apresentado foi selecionado por um júri composto por 2 formadores /professores e por um elemento da Direção para representar o CFPM. Como atividades complementares, e visando a sensibilização para a especificidade desta questão ambiental, foi realizada uma palestra "Valorizar os resíduos", promovida pela Águas e Resíduos da Madeira, SA, no dia 11 de março do corrente ano, não obstante outras atividades já realizadas em janeiro e fevereiro, tais como ações de sensibilização na ETAR de Santa Quitéria, Funchal, para os formandos (1º, 2º e 3º anos dos cursos de aprendizagem), seguida de uma visita guiada à Estação de Transferência de Sólidos Urbanos.
Um grupo de formandos(as) elaborou sob orientação dos coordenadores 3 inquéritos para testar o conhecimento dos colegas e da comunidade envolvente acerca do “Lixo Marinho”, tendo sido escolhido um exemplar que seria distribuído à posteriori pela comunidade (formandos, formadores e colaboradores) e cujos resultados, com a colaboração dos formadores de matemática, seriam expostos na semana das comemorações do dia 20 de maio (Dia Europeu do Mar). Esta atividade não foi entretanto realizada devido às consequências da Pandemia do Covid-19.
A título de curiosidade, para o mês de maio, e no âmbito de operacionalizar a temática do “Mar”, tal como se afigura no nosso Plano de Ação submetido em fevereiro do corrente ano, já estavam confirmadas as seguintes atividades, e que poderiam perfeitamente ser um complemento a este projeto, envolvendo a comunidade escolar: a) Palestra "Impacto do lixo marinho nos ecossistemas marinhos", promovida pelo Observatório Oceânico da Madeira; b) ação de sensibilização para os formandos e formadores - Reserva Natural Parcial do Garajau, seguida de um passeio de bote.

Fase II - Escola: execução

Fase II - Município: evidências