O Mar Começa Aqui | Trabalhos

Escola EB 2,3 Júlio Brandão (Vila Nova de Famalicão)

Fase I - Escola: proposta

Memória descritiva da imagem:
Este trabalho foi realizado no âmbito do projeto Eco-Escolas da minha escola.
Dentro das várias alternativas que me surgiram, pensei que, para ser
implementado num espaço público, pois é aí que estão as sarjetas, teria de ser um desenho
simples que fosse fácil de concretizar. Para mim o desenho teria de uma forma simples
representar o quão importante é assegurar que as águas sejam devolvidas aos cursos
naturais, lagos, lagoas ou mar, sem detritos, como garrafas de plástico, cotonetes, óleos,
entre outros. O desenho teria de ser alegre e que os transeuntes reparassem e se
questionassem a razão da existência daquele desenho. A minha preocupação não foi fazer
um desenho artisticamente rico em toques e retoques, riscos e sarrabiscos…
Para fazer o desenho, inspirei-me no animal de estimação da família, um cágado,
pois há necessidade de mudar constantemente a água, pois não gosta que esteja suja,
assim como todos os animais aquáticos não desejarão, certamente, ter água com detritos.
No desenho, os animais deveriam sobressair, destacarem-se em detrimento de qualquer
outro objeto. Tentei usar cores alegres de acordo com as características dos animais
representados. Tentei fazer com que a água parecesse límpida e transparente de forma a
que os animais se destacassem e fossem visíveis e que mostrassem satisfação.
O mar começa em casa de cada um de nós. Se cada um fizer a sua parte, o planeta
agradece! Os animais do mar agradecem! Todos ficamos a ganhar!

Proposta de imagem a pintar:

Memória descritiva do projeto:
O mar começa aqui
Escola EB 2,3 Júlio Brandão
Professores coordenadores: Sónia Barreiras e Carlos de Castro
Este projeto foi desenvolvido nas aulas de Cidadania e Desenvolvimento. Os professores coordenadores propuseram aos docentes que lecionam esta área para desenvolverem com os seus alunos um croqui "o mar começa aqui". Foram vários os docentes que aderiram ao projeto e os seus alunos, do 5º ao 8º ano começaram a realizar os seus esboços. Após a entrada em isolamento social, este desafio foi lançado novamente aos alunos, para que com a ajuda dos seus familiares pensassem numa esboço que retratasse este problema ambiental. Foram vários os alunos que aderiram e enriqueceram a biblioteca de desenhos que já possuíamos. Os desenhos dos alunos foram carregados para a página do Facebook da escola e proposta a votação no melhor desenho. Conseguimos então o desenho que representa a nossa escola. Os alunos participantes têm desde os 10 aos 14 anos e abrangem desde o 5º ao 8º ano de escolaridade.

Fase II - Escola: execução

Fase II - Município: evidências