s.Um desafio Eco-Escolas | Autarquias | ABAE

A concretização do projeto implica a conjugação de sinergias entre o Município e Freguesias, as Escolas do concelho nomeadamente as Eco-Escolas e a ABAE. Para que este projeto tenha o efeito de uma campanha impactante na comunidade local e nacional é fundamental o papel de cada um dos envolvidos que se comprometem a pôr em prática as ações inerentes, nomeadamente:

AUTARQUIAS
  • Aderem ao projeto dispondo-se a envolver as suas Eco-Escolas (e outras) até 10 de fevereiro;
  • Coordenam o projeto a nível local, responsabilizando-se por toda a logística inerente à sua concretização que articulam com as suas escolas;
  • Fornecem os materiais necessários à implementação do projeto sendo responsáveis pela escolha e distribuição dos mesmos.
 
ESCOLAS
  • Aderem ao projeto na plataforma Eco-Escolas, caso o seu município o tenha feito previamente até 15 de março;
  • Desenvolvem internamente o processo para seleção de uma imagem que represente a escola;
  • Submetem a imagem na plataforma Eco-Escolas;
  • Divulgam o projeto pelos meios ao seu alcance;
  • Realizam as pinturas, em articulação com a autarquia e a participação dos alunos;
  • Enviam para a ABAE uma fotografia das pinturas que realizaram nas sarjetas/sumidouros.
 
ABAE
  • Coordena o projeto a nível nacional;
  • Fornece 2 stencils dos logótipos (do projeto e Eco-Escolas) a cada município aderente (que deverá fazer circular pelas suas escolas);
  • Divulga na página Eco-Escolas e respetivas redes sociais;
  • Premeia os melhores trabalhos a nível nacional.

 

PARCEIROS
  • Entidades Gestoras de Água e Saneamento do Grupo Águas de Portugal: incentivam os municípios abrangidos por cada entidade gestora a participar. Entidades Gestoras parceiras: EPAL; Águas de Vale do Tejo; Águas do Tejo Atlântico; Águas do Centro Litoral; e Águas do Algarve.
  • Câmara Municipal de Sintra: inspira e associa-se ao desafio, com o apoio da FabLab Sintra e SMAS Sintra.

 

Como Participar

  • Para que as escolas possam participar/ concretizar estes projetos é fundamental a inscrição prévia do município. Só depois as escolas dos respetivos municípios poderão manifestar a sua vontade em participar.
  • Em qualquer dos casos a inscrição realiza-se na plataforma Eco-Escolas (ecoescolas.abae.pt/plataforma)
    Para a inscrição, os municípios parceiros devem aceder com o login e password que foi atribuída ao técnico responsável
  • Após inscrição do município, as escolas do concelho serão convidadas a aderir. Caso aceitem inscrevem-se na plataforma Eco-Escolas

 

Fases do Projeto

O Projeto desenvolve-se em 3 fases:

 
FASE 1 – PREPARAÇÃO
  • Para concretizar o projeto, as escolas deverão apresentar previamente apenas um desenho/proposta de imagem que pretendem reproduzir nas sarjetas/sumidouros. (ver regulamento sobre as características da proposta de imagem).
  • O protótipo de imagem enviada deve incluir a relação entre a pintura e a sarjeta/sumidouro (escala).
  • Os projetos deverão ser submetidos por cada escola (na plataforma Eco-Escolas) até 31 de março.
  • Os projetos recebidos serão validados pelo Júri que inclui a ABAE, o município e eventualmente, a respetiva freguesia em que se insere a escola
  • Após a validação dos projetos a escola será convidada a realizar as pinturas na escola e área envolvente.
 
Características da Proposta de Imagem
  • A proposta de imagem é constituída pelo desenho que se pretende pintar na sarjeta/sumidouro.
    Nota: caso o desenho inclua representação de espécies marinhas deverão ser privilegiadas as espécies autóctones.
  • A proposta de imagem deverá ser digitalizada e enviada para a ABAE através da plataforma Eco-Escolas até 31 de março.
  • As cores utilizadas ficam ao critério da escola.
  • A dimensão da imagem deve ter em consideração o tamanho da sarjeta/sumidouro. O protótipo de imagem enviada deve incluir a relação entre a pintura e a sarjeta/sumidouro (escala).
  • Deverá conter a frase “O mar começa aqui”, integrando preferencialmente os logótipos do projeto e do Eco-Escolas (fornecidos pela ABAE). Caso queiram poderão também integrar outros logótipos/assinaturas (exemplo: do município/freguesia ou escola).
  • Cada escola pode concorrer apenas com uma imagem com os seguintes elementos:
    • Memória descritiva da imagem
    • Memória descritiva do projeto – até uma página A4 com: a identificação da escola e do(a) professor(a) coordenador(a) da atividade; o número, a idade e ano de escolaridade dos alunos; síntese das várias fases do projeto.

 

FASE 2 – CONCRETIZAÇÃO
  • Todo o processo de concretização das pinturas deve ser supervisionado pela Câmara Municipal e/ou a Freguesia que deverá:
    • Aprovar/selecionar as sarjetas/sumidouros que serão pintados recomendando-se se possível a escolha de pelo menos uma dentro e uma fora da escola.
    • Fornecer os materiais necessários para a realização das pinturas.
    • Zelar pelas respetivas autorizações para a intervenção em espaço público, avaliando a  sua exequibilidade em condições de segurança antes e durante a execução das pinturas.
    • Zelar em conjunto com os professores envolvidos pela adequada execução da pintura (dimensões, relação com a sarjeta/sumidouro, desenho, logótipos).
  • O dia das pinturas deverá ser acordado com a escola e respetiva autarquia, sugerindo-se as semanas de 19 a 23 de abril (Global Action Days); de 17 a 21 de maio, em torno do dia 20 de maio (Dia Europeu do Mar) e ainda a semana de 8 de junho (Dia Mundial dos Oceanos) 
  • Junto da pintura deverão aparecer os logótipos do projeto e do Eco-Escolas (fornecidos pela ABAE). Caso queiram poderão também integrar outros logótipos/assinaturas (exemplo: do município/freguesia ou escola).
  • Após o dia das pinturas a escola enviará para a ABAE uma imagem de uma das sarjetas pintadas.

 

FASE 3 – COMUNICAÇÃO
  • A escola deverá enviar, através da plataforma Eco-Escolas, uma fotografia das pinturas realizadas até ao dia 25 de junho.
  • Recomenda-se que todos os intervenientes divulguem e partilhem estes trabalhos dando assim corpo a uma campanha nacional.

 

Prémios

 
PRÉMIO NACIONAL

A ABAE premiará pelo menos 3 pinturas a nível nacional. O júri será constituído por elementos da Comissão Nacional Eco-Escolas e especialistas convidados.

 

PRÉMIO MUNICIPAL

Cabe ao município decidir se pretendem premiar/reconhecer os melhores trabalhos das suas escolas.

A ABAE e seus parceiros selecionarão os municípios mais empenhados na concretização do projeto, atribuindo os seguintes prémios:

– 1 Kit (pinça+toalha+baralho de cartas+beatinhas);

Os municípios premiados com Menções Honrosas receberão um Kit (pinça+toalha+baralho de cartas+beatinhas).

 

Prazos

  • até 10 de fev. | inscrição do município
  • até 28 de fev. | o município divulga e convida as suas Eco-Escolas a participar
  • 15 de março | data limite de inscrição das escolas
  • até 31 de março| data de submissão do desenho/protótipo a pintar nas sarjetas
  • até 8 de junho (dia Mundial dos Oceanos) | realização das pinturas
  • até 15 de junho | submissão das fotografias das pinturas.